3 Dicas para entrar na frequência da abundância

0
674

Muitas pessoas querem entrar na frequência da abundância, porém vibram na escassez a todo momento.

O universo é abundante e ele quer abundância pra você.

Abaixo algumas dicas de como se alinhar com isso. Pois não estar em abundância é contra o fluxo da vida.

Gratidão – essa dica é tão simples e tão complexa ao mesmo tempo que é até difícil explicar. Mas resumindo, quando você é grato, você emana a frequência de estar completo com aquilo e o que o Universo manda?? Mais daquilo. Ou seja, nunca peça algo, pois emite a frequência de falta. Apenas agradecer, ao que você tem e ao que você não tem. Lembre-se: o tempo é atemporal.

Doação – Quando doamos (pelo prazer da doação e principalmente sem o julgamento e a preocupação de que a pessoa que recebeu vai fazer bom uso), o sentimento que vem é de “sou abundante, por isso tenho pra dar”. E aí entra naquela mesma explicação acima.

Aqui tem um detalhe. Se você quer receber roupas, doe roupas; Se você quer receber comida, doe comida; se você quer receber dinheiro, doe dinheiro.

Dar valor para o que você tem – Consertar as coisas de casa – Qual a sensação interna quando a lâmpada está queimada? Ou quando você liga o chuveiro que não tá funcionando direito há um tempo? ou até quando você sai com uma lingerie velha, mesmo que ninguém veja. Esses sentimentos estão muito relacionados com a crença de não merecimento. Porque você se coloca nessa situação?

O oposto seria, comprar sabonetes que você goste, por exemplo. Muitas vezes buscamos economizar tanto em coisas que não fazem. Porém o custo-benefício não compensa. Usar aqueles pratos bonitos que estão guardados para as visitas especiais. Quer alguém mais especial que você para utilizar essas coisas no seu dia a dia? Se sinta abundante e merecedor nas pequenas coisas da sua casa.

“Tudo o que não é abundância na sua vida é disfunção. E toda disfunção merece ser tratada”

Como está sua frequência?

Mais alguma dica além das 3 passadas aqui?

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here